tratamento para queda de cabelo masculino

Tratamento para queda de cabelo masculino

A queda de cabelo é um assunto que preocupa muito os homens, mas que também ocorre com as mulheres, mesmo que em menor frequência.

Existem alguns tratamentos que impedem ou retardam a calvície, que mostraremos a seguir.

tratamento para queda de cabelo masculino
Normalmente o ser humano perde 100 fios de cabelo ao longo de um dia.

Se notar que ao acordar há muitos fios de cabelo no travesseiro, no chão ou pia do banheiro e também um grande volume no pente ao pentear os cabelos, é algo a se avaliar.

Um fio de cabelo dura de 3 a 6 anos e, durante esse período, ele está em constante crescimento. Essa fase é chamada de anágena e cerca de 90% dos fios estão nessa fase.

Após esse período, o fio fica cerca de 2 semanas estacionado, sem crescimento, e depois ele cai, ficando dentro da estatística dos 100 fios por dia.

Outro sinal da queda de cabelo é o aumento do espaçamento entre um fio e outro, quando as “entradas” começam a aparecer ou quando é possível enxergar partes do coro cabeludo não coberto pelos fios.

A boa alimentação influencia no bom funcionamento de todo o corpo, inclusive na força e crescimentos dos fios de cabelo.

É sempre importante consultar um dermatologista para primeiro analisar cada situação individualmente, para poder descobrir as causas, que podem até ser decorrente de uma anemia, por exemplo.

 

Tratamento para queda de cabelo masculino

 

Um bom tratamento para a queda de cabelo masculino, que naturalmente também funciona para as mulheres, é a latanoprosta. Ele é um produto com aparência de mousse para cabelos que deve ser aplicado 3 vezes ao dia.

É um produto que diminui a queda e faz com que novos fios nasçam o que, consequentemente, diminui as falhas no cabelo. O resultado começa a ficar visível após 45 dias de tratamento e é uma solução definitiva para a queda.

O latanoprosta é um colírio para controlar glaucomas e hipertensão ocular, mas a substância é usada também nesse mousse ou espuma capilar, no tratamento para queda de cabelo. Ela foi descoberta após haverem relatos das pessoas que utilizaram o colírio e notaram o crescimento dos cílios.

O minoxidil é outro medicamento usado no tratamento contra a queda de cabelo. Ele age melhorando a circulação de sangue no couro cabeludo, que irá nutrir os fios.

E por fim, existe o tratamento chamado microagulhamento, onde é usado um instrumento que faz pequenos furos no couro cabeludo, resultando no desenvolvimento de vasos sanguíneos que farão com que novos fios sejam formados.

O microagulhamento também é um tratamento conhecido para a diminuição de cicatrizes, porque promove a renovação da pele.

Aos primeiros sinais de calvície é essencial que se procure um dermatologista para iniciar o tratamento, ao passo que depois de morto, o fio não cresce novamente. Em São Paulo, recomendamos dermatologista em Pinheiros.

E os medicamentos devem sempre ser prescritos pelo dermatologista, que irá analisar a necessidade de cada indivíduo.

Lembramos que a automedicação pode resultar em efeitos colaterais indesejados e que o dermatologista é o responsável por descobrir se a causa da queda de cabelo é nutricional, hormonal ou genética, antes de iniciar qualquer tipo de tratamento.